diário de cartas




Ao final do ano, quando Caio volta a Porto Alegre para mais um período de férias, Zé, o amigo José Márcio Penido, em São Paulo, passava por suas próprias crises e escreve uma carta triste para Caio, cheia de dúvidas.


Entre outros questionamentos, ele diz querer escrever, mas nem disso está tão certo. Na época ele e Caio eram muito próximos.


Caio, ao voltar da praia, responde como pode. E o resultado dessa Carta é um belo texto a José Márcio Penido. Nela, relata a criação do livro "Morangos mofados", fala de sua admiração por Clarice Lispector e Dalton Trevisan e estimula o amigo a escrever.


Vai aqui uma parte da carta do Caio Fernando Abreu, interpretada por Iran Mizunsky, diretamente de casa.


Queremos mais Iran! 👍


@iranmzk

.

#teatro#drama#artescenicas#tv#coronavirus#covid_19#fiqueemcasa#juntosnaquarentena#cinema#conversaderisco#audiovisualbrasileiro#audiovisual#pandemia#entrevista#ator#diretor#caiofernandoabreu

6 visualizações

ficha técnica

Texto e direção geral: Bob Bahlis.

Elenco: Angela Ponsi e Vera Amaral.

Artista convidado: José Henrique Ligabue

Finalização: Lui Felippe

Design gráfico e web design: Angela Ponsi

  • Facebook
  • Instagram
  • YouTube

contact us

Mail: bobbahlis@gmail.com

Watsapp: 992186068